h1

É tempo de beber com os olhos

27 de outubro de 2009
Mariana Buck

florchá

Este belo espetáculo da natureza, além de fascinante aos olhos é agradável ao paladar. O “flowering tea”, como chamado é cultivado no sudeste da China, sua colheita e preparo necessitam de cuidados especiais. No início da primavera, as mulheres saem ainda de madruga para colher as pequenas flores. Depois da colheita, as flores são ressecadas e envoltas em uma folha de chá verde (também seca) como um novelo. Este processo é delicado pois o aroma da flor pode ser alterado facilmente, através da absorção. Há relatos que contam  que as camponesas não podem ingerir alimentos com cheiro forte, como cebola e alho, durante o período da colheita para evitar que o aroma da flor seja prejudicado.

Depois da colheita e secagem, as bolinhas de chá são costuradas à mão, com algodão cru. Para preparar é simples, basta colocar a bolinha em um recipiente transparente e acrescentar água quente ao poucos; as folhas se expandem, se separam e de dentro da bolinha surge uma pequena flor, que pode ter tamanho e cores diversas.

cha-flower-tea2-300x210

Sobre a origem do chá, há uma lenda que conta que o imperador chinês Shên Nung declarou ao seu povo que toda água antes de ser ingerida deveria ser fervida, uma medida para a saúde. Uma bela tarde, quando fervia a sua água, uma brisa fez com que as folhas de um arbusto próximo caíssem em sua água. Sem perceber, o imperador provou e gostou do sabor da infusão. O imperador teria sido então, o criador da medicina natural pois conforme a lenda, testou várias bebidas medicinais à base do chá. Esta lenda é considerada a primeira referência à infusão de chá verde, elaborado com folhas de uma planta  chamada camelia sinesis.

Mas sobre fatos concretos, o primeiro registro escrito sobre o chá data do ano III a.C. O tratado de Lu Yu, conhecido como o primeiro tratado com caráter técnico sobre o chá, escrito durante a Dinastia Tang ( século VIII), definiu o papel da China como responsável  pela introdução do chá no mundo.

No Brasil, a reconfortante bebida foi trazida por chineses – vindos de Macau em 1812- que a mando de D.João VI, vieram testar o solo brasileiro para o cultivo do chá.

A partir da folha da Camelia sinesis, planta comum na China e Índia, é possível obter vários tipos de chás que dependendo do tratamento podem ser divididos nas seguintes categorias: verde, preto, oolong, aromatizados. Esta bebida milenar conquistou adeptos no mundo inteiro, a cada segundo são consumidos 36.000 xícaras de chá, o consumo médio anual é de 450g por habitante e são colhidas cerca de 2.600.000 toneladas de chá anualmente no mundo todo.

Para os apaixonados pela bebida, vale a pena provar e contemplar o “flowering tea”. Difíceis de serem encontrados no Brasil, quem quiser aproveitar o retaurante Ping Pong acabou de trazer uma nova leva. Para o consumo local já estão no cardápio, mas para levar para casa estarão à venda no início do próximo mês caixinhas de nove unidades por R$63,oo.

Ping Pong – Rua Lopes Neto, 15 – Itaim-Bibi – Telefone. 3078-5808
A  loja do Chá – Shopping Iguatemi, Av.Brigadeiro Faria Lima, 2.232,  3 piso, Jardim Paulistano – Telefone.3816-5359

box

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: